administradora de cartão de crédito administradora de cartão de crédito

Como escolher uma administradora de cartão de crédito de confiança?

6 minutos para ler

Uma estratégia de cartão de crédito próprio tem potencial para ser um divisor de águas na história de uma rede de varejo. O famoso cartão de loja já é um clássico nacional. Eles têm ótima aceitação nas camadas emergentes da sociedade brasileira e são uma oportunidade para o lojista oferecer crédito sem assumir o risco do empréstimo. Para tudo isso acontecer, o primeiro passo é escolher uma excelente administradora de cartão de crédito.

Nós conversamos com Marcelo Magnanelli, superintendente comercial da Fortbrasil, para entender um pouco mais dessa história. Neste post, você entenderá o que se deve pesar na hora de escolher uma administradora de cartão de crédito, como deve ser essa relação e muito mais. Confira!  

A importância de escolher uma administradora de cartão de crédito de confiança

A situação econômica turbulenta enfrentada pelo país nos últimos anos, a desaceleração do consumo e o grande número de brasileiros desbancarizados levam os lojistas a buscarem sempre mais maneiras de oferecer créditos a seus clientes. Isso é especialmente verdade quando falamos em varejo popular — ou seja, base de clientes nas classes C e D.

O empresário que busca ir além nessa matéria tem duas opções principais: iniciar uma operação de crediário próprio ou aderir a um cartão de loja por meio de uma administradora. A favor da segunda opção, um ponto crucial é que o lojista transfere o risco do empréstimo para a empresa emissora do cartão, já que a análise e concessão do crédito fica sob responsabilidade dessa.

Transparência, comunicação, alinhamento de expectativas e capacidade técnica da administradora de cartão de crédito em entregar um produto que seja pensado sob medida são as bases sobre as quais devem ser construídas essa relação.

Principais pontos na escolha de uma administradora de cartão de crédito

“O primeiro ponto é olhar a experiência que essa administradora tem no ramo. Quem são os clientes, fazer o networking com outros varejistas, entender se essa administradora tem o know-how de trabalhar no seu ramo”, explica Marcelo. Uma empresa muito boa para operar em calçado pode carecer de experiência em supermercados, por exemplo. Abaixo listamos outros pontos levantados na nossa conversa com Marcelo.

O produto

Cartão de loja não é tudo a mesma coisa e negócios diferentes têm necessidades diferentes, ainda que o objetivo seja sempre, basicamente, o mesmo: fidelizar clientes e aumentar o ticket médio. 

Nesse sentido, a primeira escolha a se fazer é entre um cartão private label (em que a marca da administradora não aparece em nenhum local) ou bandeirado, o chamado co-branded, em que ambas as marcas — da loja e da administradora — estão no cartão entregue ao cliente.

Ainda, é importante observar quais outros serviços são oferecidos, especialmente quanto à geração de dados. O cartão próprio é, também, uma oportunidade de ter mais informações sobre seus clientes, mapear padrões de frequência, valor e, a partir disso, traçar estratégias mais direcionadas. 

Você também quer saber os detalhes sobre a relação com o seu cliente final. Para isso, é preciso fazer algumas perguntas: a administradora enviará promotores à sua loja? A loja funcionará como um ponto de atendimento para o seu cliente que aderir ao cartão? Quais são os canais de relacionamento? Possui aplicativo para celular?

O crédito

Se por um lado o varejista tem a garantia de receber o dinheiro da venda mesmo que o cliente caia em inadimplência, por outro é responsabilidade da administradora a análise de crédito. Esse é um ponto central da relação entre as duas partes envolvidas em uma operação de cartão private label e, até por isso, deve ser claro.

Sobre isso, Marcelo afirma que é importante conferir “se [a administradora] tem uma área de crédito robusta, sabe trabalhar na sua região e tem grandes parceiros — Serasa, SPC, Boa Vista. Também, se ela tem as ferramentas de análise e modelagem de crédito, uma área de analytics forte”. 

O superintendente comercial nos explicou, ainda, que na FortBrasil, além de dispor de todas essas ferramentas, preza-se pela extrema clareza e transparência quanto aos critérios de análise de crédito. Ou seja, o lojista é sempre informado pela administradora sobre os critérios usados nessa análise e os motivos que levam à aprovação, ou não, do crédito.

A relação

“Tem que ser transparente, conversar e ter o mesmo foco: fazer o varejista crescer dando uma ferramenta de crédito para o cliente dele; fidelizar e vender mais”, afirma Marcelo. A relação, se construída sobre as tais bases sólidas, é promissora, já que é um típico caso de ganha-ganha. Ambas as partes se beneficiam quando o cartão de crédito da loja é usado. 

É importante, também, que a administradora do cartão de crédito seja flexível e capaz de se adaptar às demandas e especificidades de diferentes perfis de loja. Soluções prontas e rígidas podem não dialogar com o que o seu negócio tem de peculiar.

Conheça a FortBrasil: a administradora de cartão perfeita para seu negócio

Com 15 anos de experiência de mercado, a FortBrasil é especialista em soluções de cartão de crédito para varejo popular — além de contar com uma rede credenciada de mais de 38 mil lojas. Toda a operação de crédito não só é montada com o que existe de mais moderno, como também é feita com total transparência, garantindo clareza de comunicação e processos. 

“Por que eu olharia para a FortBrasil? Não olhamos o varejista como um canal de venda. Nós somos um parceiro que dá uma ferramenta para ele [o varejista] alavancar as vendas e conhecer mais o seu cliente”, nas palavras de Marcelo. A FortBrasil soma know-how administrativo e tecnológico, flexibilidade e robustez, focando sempre na melhor experiência possível para o lojista e no produto para o cliente final.

Adotar um cartão de loja é, afinal, o caminho mais seguro para oferecer crédito aos seus fregueses, fidelizando e aumentando o ticket. No caminho, ainda, você tem a oportunidade de gerar dados e conhecer de perto os seus clientes. 

Se você quer entender melhor o que uma administradora de cartão de crédito, como a FortBrasil, pode fazer pelo seu negócio entre em contato com conosco

Posts relacionados

Deixe um comentário