indicadores de desempenho indicadores de desempenho

Como usar os indicadores de desempenho no seu negócio?

6 minutos para ler

Ter uma empresa rentável e lucrativa é o principal desejo de empreendedores e gestores — afinal, você investiu o seu tempo e os seus recursos para conseguir abrir um negócio. Porém, antes de chegar a um resultado positivo e finalmente poder celebrá-lo, é preciso acompanhar de perto a performance de todas as estratégias, pois só assim você conseguirá fazer os ajustes necessários para atingir seu objetivo.

Neste conteúdo, que elaboramos especialmente para você, vamos esclarecer o que são os indicadores de desempenho, quais são alguns dos mais conhecidos e o que fazer para que esses dados coletados sejam utilizados de forma estratégica para a sua empresa. Quer saber mais? Então continue conosco!

O que são os indicadores de desempenho?

Conhecidos no mercado pela sigla KPI (do inglês, Key Performance Indicator), os Indicadores Chave de Desempenho são ferramentas de gestão que você deve utilizar para mensurar os custos, resultados operacionais e outros importantes processos que acontecem dentro da sua organização. 

Os dados, que são coletados e convertidos em indicadores, podem ser tanto quantitativos quanto qualitativos e, por meio dos KPIs, você consegue: 

  • avaliar se a sua empresa está caminhando para cumprir o planejamento estratégico que foi realizado;
  • recompensar os seus funcionários por atingirem as metas de vendas;
  • ter uma visão mais clara e completa do negócio, o que facilita a tomada de decisão;
  • acompanhar a saúde da empresa, principalmente a financeira;
  • identificar e analisar padrões.

Normalmente, os indicadores de desempenho são divididos em diferentes grupos. Para facilitar o entendimento, classificamos em quatro categorias que serão explicadas a você a seguir. Confira!

Indicadores de produtividade

São aqueles relacionados diretamente ao quanto os seus colaboradores e máquinas conseguem produzir por determinados períodos de tempo. Caso a produtividade da sua empresa seja alta, significa que vocês têm capacidade de fazer entregas usando os recursos disponíveis de maneira adequada.

Indicadores de qualidade

Os seus clientes estão, de fato, satisfeitos com os produtos e serviços oferecidos pela sua empresa? Você tem recebido novos contatos que vieram por recomendações? Quantas vezes você precisou fazer reparos em uma entrega já realizada? Essas são algumas das perguntas que você terá resposta ao mensurar a qualidade por meio de indicadores. 

Indicadores de capacidade

Os dados coletados e transformados em indicadores de capacidade mostram o quanto a sua organização consegue realizar, em número de entregas, dentro de um período de tempo predeterminado. Com esses valores em mãos, é possível identificar limitadores e processos que podem ser otimizados.

Indicadores estratégicos

Diretamente ligados ao planejamento da sua empresa, os indicadores estratégicos mostram a você se todos estão trabalhando para cumprir os objetivos preestabelecidos. Com eles, é possível fazer comparativos da situação do negócio com o ponto de partida — ou seja, quando foram determinadas as metas.

Como utilizá-los no dia a dia da empresa?

É bem provável que já tenha ouvido a célebre frase do estatístico William Edwards Deming: “o que não é medido não pode ser gerenciado”. Quando você não tem dados, informações e indicadores em mãos, é muito mais difícil conduzir a sua empresa, pois não conta com argumentos embasados para fazer cortes, investimentos ou qualquer outra movimentação necessária.

Você pode usar indicadores de desempenho para analisar o seu negócio por diferentes perspectivas: do cliente, de processos internos, financeira e, até mesmo, dos seus próprios colaboradores. Desse modo, consegue fazer uma gestão mais completa e estratégica da organização.

Quais indicadores são ideais para o meu negócio?

Determinar quais serão os indicadores mais importantes para a sua empresa acompanhar é uma tarefa que exige muita cautela. Afinal, é preciso analisar o que faz sentido para a sua realidade e o que, de fato, apontará os resultados — é disso que você necessita para fazer a sua gestão de forma eficiente e eficaz.

Elaboramos para você uma lista com alguns indicadores muito utilizados pelas organizações. Mas lembre-se de conhecer bem os seus processos e de discutir com a sua equipe quais seriam as melhores métricas para ajudá-los a entender a performance da empresa.

Turnover

Você sabe quanto tempo, em média, a sua empresa retém os colaboradores após a contratação? Uma alta rotatividade de funcionários pode indicar problemas internos, como questões de clima e liderança, como também a influência de alguns fatores externos, como salários e benefícios melhores sendo oferecidos no mercado. 

Demissões e admissões são processos de alto custo e, por isso, é preciso ficar atento ao indicador de turnover. Para calculá-lo, siga o passo a passo:

  • some o número de demissões e o de admissões;
  • divida o resultado da soma por dois;
  • agora, divida tudo pelo número total de colaboradores.

Turnover = (número de contratados + número desligamento) / 2 / número de funcionários

Giro de Estoque

Uma das grandes preocupações das empresas é o estoque. Para saber se ele está sendo usado de forma eficiente, é preciso que você acompanhe o indicador de giro, ou seja, o quanto de entradas (reposições) e saídas (vendas) que são realizadas dentro de um determinado tempo.

Para esse indicador, existem diferentes cálculos que podem ser feitos, cada um de acordo com o seu objetivo. O mais básico é baseado no seu estoque médio e nas vendas totais, dividindo um valor pelo outro. O resultado será o número de giros que o seu estoque teve durante o período em que você desejava saber.

Ticket médio

A performance da sua equipe de vendas pode ser avaliada pelo indicador de ticket médio. Afinal, ele aponta o quanto você está recebendo, em média, de cada cliente que faz uma determinada aquisição com a sua empresa.

O resultado é obtido a partir da divisão do faturamento total da sua organização pelo número de vendas realizadas no período preestabelecido pela amostra.

Market share

Você deseja saber o quanto a sua empresa é competitiva em relação aos concorrentes de mercado, seja em valor, seja em volume? Então, acompanhe bem de perto os números referentes ao seu market share.

Para tornar isso possível, basta dividir as vendas totais do seu negócio pelo número de vendas totais do mercado em que você atua.

Saber como anda a saúde do seu negócio é fundamental para qualquer gestor, em todas as fases de uma empresa. É a partir dos indicadores de desempenho que você conseguirá tomar as melhores decisões para a organização e, futuramente, colher bons frutos junto a toda sua equipe.

Além dos indicadores de desempenho, fique atento também aos números relacionados aos investimentos do seu negócio. Saiba mais sobre o capital de giro e a importância desse recurso!

Posts relacionados

Deixe um comentário