juros do cartão de crédito juros do cartão de crédito

Quais são os juros do cartão de crédito e quando eles são cobrados?

6 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Pagar as contas e compras no cartão de crédito tem se tornado uma prática bem comum entre os brasileiros, isso é fato. Ele é ainda a opção principal para saldar dívidas mais altas — acima de R$ 500, por exemplo. 

Usar esse meio de pagamento pode ser muito interessante devido às vantagens que ele oferece, como programas de pontos e segurança. Mas ele pode causar problemas, caso haja falta de planejamento. Gastar além do que se pode pagar é mais comum do que você imagina, e muitas famílias brasileiras que estão endividadas acabam não conseguindo pagar o cartão de crédito.

Quando sai mais dinheiro do que entra na sua conta, e você não consegue quitar a fatura completa, pode cair nas temidas taxas de juros. Para essas, aliás, não tem crise: o juros médio do cartão tem subido todo ano e pode dar a maior dor de cabeça quando você não dá conta de pagar tudo. 

O fato é que o cartão não precisa ser o vilão do seu fim de mês! Neste texto, você entenderá tudo sobre as taxas e juros para se precaver e, inclusive, conhecer a melhor opção para você. Vamos lá?

Quais são as taxas cobradas pelo cartão de crédito?

Uma vez que várias taxas estão envolvidas, é certo que você vai gastar um pouco além do que o valor real de suas compras no cartão de crédito. Porém, conhecendo bem cada uma delas, você consegue se precaver para pagar menos e ficar mais folgado no fim do mês. Confira a seguir alguns exemplos de taxas de cartão de crédito!

Anuidade

Trata-se do valor cobrado pela instituição para que você use o cartão, pode ser pago à vista ou em parcelas, mas é uma taxa que existe todo ano. Vale dizer ainda que o preço da anuidade varia entre os bancos, assim, você pode consultá-los antes de decidir.

Avaliação emergencial de crédito

Essa taxa aqui só vai ser cobrada caso você ultrapasse o limite do seu cartão. Supondo que ele seja R$ 1 mil, e você gaste R$ 1,5 mil em um determinado mês, essa taxa será cobrada no fechamento da fatura do mês correspondente. E a cobrança só aparecerá em outros meses se você ultrapassar o limite novamente, ok?

Pagamento de contas

Nesse caso, você pode usar o cartão de crédito para pagar uma conta, como o boleto de energia da sua casa. Porém, isso funciona como se você estivesse pegando um empréstimo do banco, que deverá ser pago até 30 dias depois. Essa ação é uma boa só quando você não tem mesmo o dinheiro para a dívida — do contrário, é interessante evitar essa prática.

Saque

Toda vez que você saca um valor do caixa eletrônico com o cartão de crédito, seja no Brasil ou no exterior, essa tarifa aparecerá na fatura. Isso acontece porque essa situação também é parecida com um empréstimo, uma vez que você não está retirando dinheiro da sua própria conta, que é o que ocorre com os de débito.

As taxas são sempre iguais?

Nem sempre. As taxas básicas de cartão são essas citadas e os juros, que serão explicados na sequência. Porém, cartões de crédito diferenciados, que oferecem clubes de vantagens, descontos e programas de milhas, costumam ter outras taxas, como segunda via, design diferenciado, entre outros.

Agora, e quanto aos juros do cartão de crédito?

Os juros não deixam de ser uma taxa a mais — e eles surgem na sua fatura quando você não a paga completamente ou quando atrasa o pagamento. Entenda melhor!

Juros rotativos

Todo mês, quando chega a sua fatura do cartão, você se depara com a opção de pagamento mínimo. Ela pode ser uma boa quando não há mais dinheiro na sua conta, no mais, o ideal é pagar a fatura completa. Caso contrário, você entra nos juros rotativos.

Uma vez que você não tem condição para pagar toda a fatura, o rotativo do cartão funciona como um empréstimo para que a dívida seja quitada. Porém, esse empréstimo tem juros que podem encarecer demais a fatura e fazer com que você se endivide. Por isso, o ideal é se programar direitinho para não deixar nada acumular para o mês seguinte.

Juros de parcelamento da fatura

Como muita gente estava se endividando pelo rotativo do cartão, desde 2017, o Banco Central mudou as regras. Agora, uma pessoa só pode ficar 30 dias devendo no rotativo. A partir disso, ela tem duas opções: quitar a fatura total ou parcelar a fatura, de acordo com as regras do banco.

Essa taxa de juros para o parcelamento deve ser menor do que a do crédito rotativo e ainda é uma linha de crédito, enquanto a taxa de juros do rotativo é de cerca de 450% ao ano, a do parcelamento é de 150% ao ano. Mesmo assim, o ideal, para a saúde do seu bolso, é pagar a fatura integralmente sempre.

Juros de mora

É a taxa sobre o atraso do pagamento da fatura e pode chegar até 2% de multa. Ela é comum para várias contas, quando você se esquece da data exata do pagamento.

Como escolher o melhor cartão de crédito para você?

O ideal é conversar com a instituição e colocar tudo na ponta do lápis. Pergunte sobre as taxas de anuidade, os juros de parcelamento e crédito rotativo, por exemplo. Ainda é importante saber o limite, se é suficiente para você e como ele pode ser aumentado quando você precisar.

Você também precisa saber quais são as vantagens que são ofertadas — por exemplo, programas de pontuação, assistência viagem etc. Além disso, o relacionamento com a instituição do cartão é outro fator que conta demais: uma dica é avaliar as opiniões de pessoas que tenham o cartão que você deseja adquirir.

Escolhendo o tipo de cartão ideal para você e usando-o de forma planejada, será possível aproveitar as suas vantagens. Ao entender como as taxas funcionam, há menos riscos, por exemplo, de você se enrolar com os juros do cartão de crédito. O fato é que, nem de longe, ele precisa ser o vilão do seu bolso!

A FortBrasil é uma empresa brasileira com mais de 15 anos de atuação e conta com uma opção de cartão de crédito que traz vários benefícios! Você conta com todo apoio, facilidades no atendimento, como chat online, e anuidade revertida em bônus para o seu celular. Entre em contato para saber mais!

Posts relacionados

Deixe um comentário