marketing para pequenas empresas marketing para pequenas empresas

[INFOGRÁFICO] 6 dicas e estratégias de marketing para pequenas empresas

6 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Ainda que você seja capaz de oferecer os melhores produtos ou serviços de seu ramo, esse fator por si só não será suficiente para o sucesso do seu negócio se não houver o investimento em estratégias de marketing que estejam alinhadas aos seus objetivos. Afinal, são elas as responsáveis por conquistar clientes novos, fidelizar os antigos e dar o destaque que você precisa para vender mais.

Mas escolher as iniciativas certas pode ser um desafio, principalmente quando estamos falando de marketing para pequenas empresas. Afinal, como se manter competitivo no mercado enquanto trabalha com um orçamento restrito?

Se você tem essa dúvida, não se preocupe. Neste conteúdo, você vai conferir algumas dicas para alavancar o sucesso do seu negócio. Vamos lá?

1. Conheça o seu público a fundo

Parece básico, mas antes de escolher quais elementos vão integrar sua estratégia geral de marketing, muitos empreendedores não pensam no perfil de consumo dos seus clientes de forma detalhada. Para defini-lo, é preciso levantar alguns questionamentos a respeito dos consumidores de seus produtos ou serviços.

  • Quantos anos eles têm?
  • Com o que trabalham?
  • Quais problemas enfrentam em suas rotinas?
  • Quais lugares eles frequentam?
  • Quais serviços usam?
  • Como e por que eles procurariam o seu produto?

Com base em pesquisas e no contato com a sua base de clientes já existente, elabore um personagem semi fictício para descobrir como é o seu consumidor ideal. O resultado será a sua persona. Com ela, você poderá identificar características comuns entre os potenciais compradores (não apenas em questões de idade, renda ou hábitos do dia a dia, mas também se tratando de motivações, desejos, desafios e preocupações).

Ser claro sobre detalhes como esses permitirá que você determine a linguagem a ser utilizada nas ações de marketing . Assim, é mais fácil desenvolver uma estratégia geral direcionada e eficaz, além de focada nos canais com maior probabilidade de produzir resultados para o seu negócio.

2. Construa uma forte presença online

Não se esqueça de que a essência do marketing são os relacionamentos! Neste contexto, a presença da sua marca online é fundamental para facilitar a comunicação, produzir conteúdo rico e permitir que sua empresa seja facilmente encontrada. Portanto, não deixe de investir na criação de páginas virtuais que sejam responsivas, ou seja, que se adaptam a qualquer formato de acesso — como smartphones, tablets, desktop, etc.

Outra estratégia de marketing para pequenas empresas muito utilizada são as newsletters (ou e-mail marketing). Com essa ferramenta, você pode manter uma comunicação mais direta com os clientes e fazer anúncios sobre lançamentos, novidades, descontos, sorteios ou até criar campanhas de engajamento.

Além disso, é importante lembrar que o uso das redes sociais para envolver seu público-alvo não é mais um diferencial de marketing para pequenas empresas, e sim um dever. Em vez de se perguntar se você deve ser ativo nas mídias sociais ou não, estude quanto tempo e recursos financeiros planeja dedicar para o crescimento do seu público online.

Como-usar-as-mídias-sociais-no-marketing-da-sua-empresa

3. Crie um plano de marketing

A palavra “planejamento” é a chave em qualquer estratégia de marketing para pequenas empresas. Afinal, ela será o escopo inicial para que todas as ações dessa área sejam elaboradas, validadas e colocadas em prática.

Tudo isso deve ser feito pela alta diretoria da empresa, com a presença indispensável de seus sócios e da equipe de comunicação. Nesse momento, vale analisar todos os aspectos relevantes do marketing empresarial, como a missão e valores da empresa, as tendências para o segmento no mercado, o comportamento da concorrência e todos os outros fatores que possam influenciar decisões futuras.

4. Invista no atendimento como um diferencial

Já se foi o tempo em que o atendimento de qualidade era sinônimo de cordialidade e educação. No mercado de hoje, isso é o mínimo que se espera em qualquer interação que ocorrer entre a empresa e sua clientela.

Se você deseja destacar o seu atendimento ao da concorrência, é preciso ir além e oferecer soluções que o seu consumidor sequer imaginou que precisava. Nesse contexto, é preciso ter muita atenção também com o pós-venda, já que esse aspecto é fundamental para a fidelização de clientes.

Segundo um levantamento feito pela Lee Resources, ao resolver um problema a favor do cliente, existe 70% de chance de que ele volte a fechar negócios com a mesma empresa no futuro.

5. Crie programas de fidelidade

O principal objetivo de um programa de fidelidade é aumentar os lucros com a retenção de seus clientes atuais. Esse resultado é alcançável por se tratar de uma estratégia de baixo custo, que ajuda a aumentar o boca a boca e as referências de clientes de forma efetiva.

A verdade é que quando você está começando a empreender ou tem uma empresa pequena, um dos maiores desafios é divulgar sua marca e estabelecer autoridade perante o mercado. Os incentivos à fidelidade são uma excelente maneira de fazer as duas coisas.

Para isso, você pode criar vários programas de referência, que incentivem os clientes ou funcionários a recomendá-lo a outras pessoas, como descontos ou recompensas. Isso não apenas atrai novos clientes, — que, por sua vez, repetem o ciclo —, mas também fideliza os antigos.

6. Firme parcerias

As pequenas empresas podem alcançar mais pessoas colaborando umas com as outras. Essa é uma maneira barata e eficaz de comercializar seus itens ou serviços, enquanto os consumidores de outros empreendimentos aproveitam para promover seus produtos.

Se você comercializa itens de beleza, por exemplo, pode agregar valor para um salão ou spa ao fornecer cupons de descontos ou amostras para os clientes daquele estabelecimento. Assim, você terá novos consumidores de seus próprios produtos fora do seu negócio.

Como foi possível ver, existem diversas estratégias de marketing para pequenas empresas que você pode testar e saber o que funciona melhor para o seu negócio. É preciso ter em mente que nenhuma delas trará resultados significativos da noite para o dia mas, com o tempo e muito estudo, você certamente descobrirá quais pontos serão essenciais para o seu sucesso.

Gostou do conteúdo? Se você deseja aprender mais sobre como fortalecer a sua marca, continue a leitura no blog com 7 passos para a fidelização de clientes!

Posts relacionados

Deixe um comentário